SEJA BEM VINDO!

Mostrando postagens com marcador Reflexões. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Reflexões. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Você beijou seu filho hoje?


 
Percebo que existe uma facilidade para a maioria dos pais em beijar, abraçar e realizar atos de afeto com seus filhos quando estes são pequenos,  mas quando os filhos crescem e passam a ser adolescentes ou adultos, a dificuldade para demonstrar carinho também cresce.
Hoje quero falar da importância de se tomar atitudes carinhosas com seus filhos, em todas as idades. Ouço muitos pais reclamarem que não conseguem ser carinhosos com seus filhos porque não receberam carinho de seus pais quando crianças, sendo que essa dificuldade de demonstrar afeto, às vezes, se estende até aos seus cônjuges. 
Chegou o dia de quebrar velhas cadeias e costumes e se desafiar a ser mais carinhoso com seus filhos.Se são pequeninos, ótimo!!! Se já são grandes,  não é tarde demais. Faça um esforço e beije, abrace fale para seus filhos que você os ama que se preocupa com eles. Você perceberá o quanto vai melhorar o relacionamento familiar. 

Abençoe seu filho diariamente,  dê bom dia e boa noite recheados de beijinhos, Sempre que você ou seu filho sair de casa, lembre de se despedir!

domingo, 10 de julho de 2016

Ouça, seu filho está falando!






Nossos filhos falam de muitas maneiras. Mostram suas dificuldades através de comportamentos e atitudes, ou por meio de palavras. Mas nós, pais , muitas vezes não estamos atentos ao que estão falando ou mostrando em suas atitudes ou comportamentos.

Não prestamos atenção por não termos tempo, ou porque o amor que sentimos por nosso filho é tão grande que nos impede de ouvir o que ele diz, mas ouvimos o que desejamos que ele diga.
Ore nesta manhã e peça a Deus sabedoria para ouvir seu filho. Se ele te procurar querendo conversar, mesmo que você ache que o que ele está falando é besteira, ouça com atenção, pois pode ser algo muito importante para ele.

Preste atenção nas amizades de seus filhos, pois se você não estiver disposto a ouvi-lo, seus amigos poderão fazer isso, mas será que estes amigos são os conselheiros adequados para seu filho?
Ore e jejue, pois Deus te dará sabedoria para ouvir e compreender as situações que seu filho está vivendo de forma que você se torne um instrumento de orientação e conforto para ele.

Que Deus nos abençoe grandemente! Bjs

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Como você vê seu filho?


Gostaria de levá-lo a reflexão de como você está vendo seu filho? Se com os olhos da fé ou com os olhos do medo, da dúvida ou da desesperança?
Quero trazer a memória a história de uma mãe chamada Joquebede (Êxodo 2). Ela recebeu uma sentença de morte para seu filho enquanto este ainda estava na sua barriga. Joquebede poderia ter visto seu filho com olhos de desespero,  poderia ter desistido de permitir que seu filho viesse ao mundo por saber que o menino estava condenado a morte. Poderia ter desistido e deixar o seu filho ser levado pelo inimigo para destruição da sua vida. Mas não!  Ela resolveu olhar para ele com os olhos da fé. Ela decidiu escondê-lo, pois tinha a certeza,  mesmo sem ver nada concreto,(e isso é fé) que ele seria livre e teria vida. E o seu filho se tornou um grande homem de Deus.
Não olhe para o seu filho como o inimigo quer que você olhe. Veja seu filho pela fé. Com os olhos de Deus. Esconda seu filho em suas orações. Tenha fé!  Confie que Deus cumprirá o plano que Ele mesmo traçou para o seu filho.
Que Deus continue nos abençoado cada vez mais.
Bjs
Ana Michelle. 

 

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Campanha: Filhos Herança de Deus


DIA 01 - 04 DE MAIO DE 2016


 


"Os filhos são herança do Senhor,  uma recompensa que Ele dá." Salmos 127:3.
Quem é pai ou mãe sabe que nos sentimos felizes e realizados ao ver nossos filhos felizes e realizados e principalmente quando estão firmes no caminho Santo.
Sendo assim, decidi iniciar hoje mais uma campanha de oração pelos filhos. E venho convidar vcva participar comigo desta campanha de oração. 
Você pode pensar: "o meu filho está muito bem não preciso participar desta campanha ", mas sugiro que participe, pois a oração é muito importante. Não somente para o tempo presente, mas também para o tempo futuro.
Vamos orar para Deus:
- Guardar do maligno
- Batizar no Espírito Santo
- Dar discernimento espiritual
- Dar dons espirituais
- Abençoar os estudos ou trabalho
- Abençoar as amizades
-Abençoar os relacionamentos do presentes ou futuros.
- Dar aos nossos filhos um coração segundo o coração de Deus.
- Dar sabedoria
- Dar inteligência 
E você pode acrescentar quantos motivos a mais desejar.
Iniciaremos a campanha hoje e ela terá a duração de 40 dias. Isso mesmo! Serão 40 dias de oração e jejum por nossos filhos. Você tem liberdade de escolher os horários de jejum e de oração de acordo com sua saúde e disponibilidade de tempo.
Todos os dias postarei algu relacionado a nossa campanha no blog ANA MICHELLE.
Vamos clamar, pois Deus está pronto a nós ouvir. \o/
Que Deus vos abençoe grandemente! 
bjs

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Reflexão: Saia da Caixa





“Trouxe-me para um lugar espaçoso... porque Ele tem prazer em mim.” – Salmos 18:19 KJV



Um conselheiro respeitado disse: “Primeiro você engatinhou, depois você aprendeu a andar e o mundo ficou maior. Depois você andou de bicicleta... dirigiu um carro... comprou uma passagem de avião. De repente, os horizontes eram ilimitados. Então as dúvidas surgiram: Não posso fazer isso... e o seu mundo encolhe um pouco. Eu não devia fazer aquela viagem... Eu nunca vou conseguir fazer isso... Tenho responsabilidades demais. E ele encolhe um pouco mais... até que você está sentado em uma caixa com a tampa firmemente fechada. Sem experiências, sem lições, sem vida. As caixas podem ser confortáveis... mas por mais aconchegantes que você as torne, elas ainda são uma caixa. Elas possuem todas as formas e tamanhos. Quando permitimos que os medos injustificados nos detenham podemos estar bem certos de que estamos entrando em outra caixa... e mais cedo ou mais tarde vamos bater contra as paredes. Encontre um pequeno “Eu não consigo” na sua vida e tire a tampa da caixa... tente vencer uma impossibilidade mínima... candidate-se àquele emprego dos seus sonhos... comece a perseguir a sua visão... Empurre a tampa da sua caixa. Estique a cabeça para fora e olhe em volta. Encontre um medo e transforme-o em uma escada. Saia da caixa da dúvida e da insegurança e entre na liberdade da coragem e da fé”. Se você permitir, o medo fará com que a sua imaginação fique descontrolada. Mas “Deus não nos deu espírito de temor, mas de poder e de amor e de moderação” (2 Tm 1:7 NKJV). A mente moderada restaura a sua perspectiva e ajuda você a ver as coisas do ponto de vista de Deus, onde tudo é possível. Hoje Ele quer lhe dar a coragem para sair da caixa e colocá-lo em um “lugar espaçoso”, porque Ele “tem prazer” em você.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Reflexão: Missão Impossível


Deus trabalha por intermédio de seu povo ara realizar até mesmo tarefas consideradas tarefas humanamente impossíveis. Ele costuma moldar as pessoas com características de personalidades , experiências e treinamento de modo a prepara-las para o seu propósito, e essas pessoas  não costumas sequer ter ideia do que Deus tem reservado para elas. Deus preparou e posicionou Neemias para realizar uma dessas tarefas "impossíveis" da Bíblia.
Talvez você não tenha as habilidades específicas de Neemias ou até mesmo pense que está em uma posição onde nada pode fazer para Deus; mas existem duas formas através das quais você pode ser útil ao Senhor. Primeiro, seja uma pessoa que fala com Deus. Permita que Ele entre em sua vida e compartilhe-a com Ele - suas preocupações, seus sentimentos e seus sonhos. Segundo, seja uma pessoa que anda com Deus. Coloque em prática aquilo que você aprende nas escrituras Sagradas. Deus pode ter uma Missão "impossível" para realizar através da sua vida." (Bíblia de Aplicação Pessoal. CPAD. p-670)
 

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Meditação: Bíblia nosso melhor conselheiro.


" Como maçãs de ouro em salvas de prata, assim é a palavra dita a seu tempo" Pv 25:11.

No versículo acima, Salomão ressaltou o valor de uma boa palavra. Pode ser que não se saiba ao certo o significado da expressão "maçãs de ouro em salvas de prata", porém está mais do que claro que se trata de algo muito precioso.
Podemos ajudar o próximo com apenas um bom conselho (pv 12:25). Nosso Mestre amado edificou e consolou diversas pessoas com suas palavras de encorajamento, esperança e vida eterna (Jo6:68). Você também pode orientar seus alunos com mais ricos tesouros da Palavra de Deus. Muitos deles estão precisando de uma orientação, e, como professor da escola dominical, usufrua o máximo que puder das aulas para, através das Escrituras, instruí-los.

Não perca a oportunidade de fazer de sua aula um ambiente agradável e propício para transmitir os valores da Bíblia Sagrada, e leve sempre em consideração que nela há maravilhosos conselhos para sua própria vida (Sl 119.18b)

Fonte: Revista do mestre Juniores 5/6 p.73. (CPAD)


domingo, 4 de maio de 2014

Meditação: Perseverança, qualidade que não pode faltar.




Na carreira cristã, passamos por momentos bons e ruins. Quando estamos nas montanha, observamos a vida de cima, nos sentimos confortáveis e seguros. Todavia, quando passamos pelos vales, tendo de enfrentar lutas e transpor obstáculos, desejamos desistir, abrir mão de tudo.

Jesus alertou:"...aquele que perseverar até o fim será salvo" (Mt 24:13). Aquele que perseverar... Sabe o que isso significa? "Conservar-se firme e constante.". E quando se trata de servir a Deus e fazer a sua obra, não podemos perder de vista o alvo de sempre continuar, nunca olhar para trás."

Pode ser que você, professor, esteja desanimado, querendo até mesmo não mais prosseguir em seu ministério. Porém, a Palavra nos garante que o Senhor "dá vigor ao cansado e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor" (Is40:29). Suas forças podem ser enovadas no Todo Poderoso. Não se esqueça de que seus alunos precisam de você, e que Deus não tem prazer naquele que retrocede (Hb 10.38). Então, mãos a obra!

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Meditação para o Professor: Amor de Deus.


" Nem a imensidão do Universo nem a profundidade do mar seriam suficientes para dimensionar o amor de Deus por nós."

Alguém pode dizer que não há como calcular o amor de Deus por nós. Entretanto, a bíblia é a exata ao avaliar a grandeza, a intensidade e a força do amor de Deus por nós. Ela simplesmente registra o fato de o Pai ter entregado seu próprio Filho para morrer em nosso lugar (Rm 8.32). Enquanto Cristo esteve entre nós, um dos sentimentos que mais se percebeu em  sua maneira de viver foi o amor, inclusive quando estava ensinando.

Nosso maior anseio é que você siga o exemplo do mestre, demostrando amor não só pela arte de ensinar, mas também por seus alunos. muitos deles não têm carinho no lar, e, se receberem uma atenção especial do professor, se sentirão amados.

Quanto a você, se estiver passando por algum momento difícil, e até mesmo acreditando que está sozinho, lembre-se de que Deus jamais se esquece de nós. Pode parecer simples tal afirmativa, mas o Senhor tem profundo interesse em fazê-lo se sentir amado. Nunca esqueça das palavras do profeta Jeremias: "...Com amor eterno te amei; também com amável benignidade te atraí" (31.3).

Fonte: Revista do mestre Juniores 5/6 p.52.

terça-feira, 18 de março de 2014

Meditação: Pastor - Professor, Ovelha - Aluno.


O relacionamento que rapidamente se desenvolve entre um pastor e suas ovelhas depende da forma como o pastor lida com o seu rebanho. As ovelhas logo se acostumam com a forma de tratar do pastor, e também se acostuma com a sua voz. Elas se familiarizam com a sua tonalidade particular, e podem distingui-la da voz de qualquer outra pessoa. Ainda que um estranho usasse as mesmas palavras e frases que o seu legítimo dono costuma usar, elas não reagiriam da mesma forma.

Isso acontece simplesmente porque, durante um determinado período de tempo, as ovelhas aprendem a associar o tom da voz do pastor a benefícios especiais. Quando o pastor as chama, é com um propósito específico; pois tem em mente o interesse das ovelhas.

Em tudo isso, a chave da satisfação das ovelhas encontra-se  no reconhecimento da voz do dono.

Professor, que assim seja a sua voz. que seu aluno aprenda a lhe amar devido a sua maneira carinhosa de tratar, conversar e pela maneira especial de lhe transmitir os ensinamentos do Mestre. (Revista do Mestre Juniores5/6. CPAD.p. 43)

Como é sua relação com seus alunos?


terça-feira, 11 de março de 2014

Meditação: Professor sal a terra




Professor,

Jesus nos comparou ao que havia de mais caro e sagrado na época em que estava entre nós. O sal era tão importante que, durante algum tempo, serviu como pagamento por serviços prestados, dando origem á palavra salário. O sal era tão precioso que servia também como selo de pactos: quando alguém fazia um acordo ou um negócio, ambos os negociantes colocavam uma pedra de sal na boca para provar que aquele acordo era sagrado.
Além disso, o sal sempre serviu para dar gosto aos alimentos e conservá-los.
Professor, assim como o sal tempera os alimentos, você também, como sal, deve dar sabor a vida dos alunos e de todos os que o rodeiam.
Tanto sendo luz como sal, o professor deve ser o que transforma, conserva, ilumina, ensina, ajuda o aluno e o que participa ativamente da vida na igreja.

Fonte: Revista do Mestre Juniores 5/6, CPAD. pg. 40

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Reflexão: Jesus e as crianças



terça-feira, 4 de junho de 2013

O Professor



Em um pequeno vilarejo vivia um velho professor, que de tão sábio, era sempre consultado pelas pessoas da região.
Uma manhã, um rapaz que fora seu aluno, vai até a casa desse sábio homem para conversar, desabafar e aconselhar-se.
- Venho aqui, professor, porque me sinto tão pouca coisa, que não tenho forças para fazer nada.
Dizem-me que não sirvo para nada, que não faço nada bem, que sou lerdo e muito idiota. Como posso melhorar? O que posso fazer para que me valorizem mais?
O professor sem olhá-lo, disse:
- Sinto muito meu jovem, mas não posso ajudar-te. Devo primeiro resolver meu próprio problema.
Talvez depois.
E fazendo uma pausa falou:
- Se você ajudasse-me, eu poderia resolver este problema com mais rapidez e depois, talvez, possa ajudar-te.
- C... Claro, professor, gaguejou o jovem, mas sentiu-se outra vez desvalorizado e hesitou em ajudar seu antigo professor.
O professor tirou um anel que usava no dedo pequeno, deu ao rapaz, e disse:
- Monte no cavalo e vá até o mercado. Devo vender esse anel porque tenho que pagar uma dívida. É preciso que obtenhas pelo anel o máximo valor possível, mas não aceite menos que uma moeda de ouro. Vá e volte com a moeda o mais rápido possível.
O jovem pegou o anel e partiu.
Mal chegou ao mercado, começou a oferecer o anel aos mercadores.
Eles olhavam com algum interesse, até quando o jovem dizia o quanto pretendia pelo anel.
Quando o jovem mencionava uma moeda de ouro, alguns riam, outros saiam sem ao menos olhar para ele, mas só um velhinho foi amável a ponto de explicar que uma moeda de ouro era muito valiosa para comprar um anel.
Tentando ajudar o jovem, chegaram a oferecer uma moeda de prata e uma xícara de cobre, mas o jovem seguia as instruções de não aceitar menos que uma moeda de ouro e recusava as ofertas.
Depois de oferecer a jóia a todos que passaram pelo mercado, abatido pelo fracasso, montou no cavalo e voltou.
O jovem desejou ter uma moeda de ouro para que ele mesmo pudesse comprar o anel, livrando assim seu professor das preocupações. Dessa forma ele poderia receber a ajuda e conselhos que tanto precisava.
Entrou na casa e disse:
- Professor, sinto muito, mas é impossível conseguir o que me pediu. Talvez pudesse conseguir 2 ou
3 moedas de prata, mas não acho que se possa enganar ninguém sobre o valor do anel.
- Importante o que disse, meu jovem... contestou sorridente. Devemos saber primeiro o valor do anel. Volte a montar no cavalo e vá até o joalheiro. Quem melhor para saber o valor exato do anel?
Diga que quer vender o anel e pergunte quanto ele te dará por ele. Mas não importa o quanto ele te ofereça, não o venda... Volte aqui com meu anel.
O jovem foi até o joalheiro e deu-lhe o anel para examinar.
O joalheiro examinou o anel com uma lupa, pesou o mesmo, e disse:

- Diga ao seu professor, que se ele quiser vender agora, não posso dar mais que 58 moedas de ouro pelo anel.

- 58 MOEDAS DE OURO!!! - exclamou o jovem.
- Sim, replicou o joalheiro. Eu sei que com tempo eu poderia oferecer cerca de 70 moedas, mas se a venda é urgente...
O jovem correu emocionado à casa do professor para contar o que ocorreu.
- Sente-se - disse o professor.
Depois de ouvir tudo o que o jovem contou-lhe, falou:
- Você é como este anel, uma jóia valiosa e única, e que só pode ser avaliada por um "expert".
Pensava que qualquer um podia descobrir o seu verdadeiro valor?
E, dizendo isto, voltou a colocar o anel no dedo.

- Todos somos como esta jóia: valiosos e únicos, e andamos por todos os mercados da vida pretendendo que pessoas inexperientes nos valorizem. Você deve acreditar em si mesmo. Sempre!

O que achou? Deixe seu comentário!

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Meditação Professor Cristão.



Meditação (revista do mestre Juniores7/8,p. 86) 
Quantas vezes começamos a fazer alguma coisa e não concluímos? Uma faculdade, um curso, um trabalho na igreja...Muitos de nós desistimos no meio do caminho. Ou porque descobrimos que não era bem o que queríamos, ou porque nos esbarramos nas dificuldades, ou até porque fomos irresponsáveis. Há diversos fatores que podem contribuir para não alcançarmos um objetivo.
Quando se trata de fazer a obra de Deus, tenha certeza de que as barreiras são bem maiores. Satanás , o nosso adversário, é quem lidera a oposição. O próprio apóstolo Paulo, em 1 Tessalonissences 2:18, declarou que foi impedido de ir a Tessalônica porque o inimigo o impediu.No entanto, o seu poder está sujeito a soberania de Deus. Logo, Não precisamos temer, mas sempre avançar. Como fez Neemias, estão lembrados?... Cada um com uma mão fazia a obra e na outra tinha as armas(Neemias 4:17). Essa foi a postura dele e do povo até que os muros de Jerusalém foram completamente reconstruídos.
Não desanime! Continue fazendo a obra do Senhor e influenciando aqueles que estão sob a sua liderança.  

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Reflexão para professores da EBD Infanto-Juvenil




Para a aula deste domingo, gostaríamos de levá-lo a uma reflexão a respeito de sua prática educativa na Escola Dominical.

Em primeiro lugar, o que é ser criança para você? O que é infância?
Por que você é professor de Escola Dominical?
Por que você escolheu dar aulas para essa faixa etária?
Você gostaria de ser seu aluno?
Você gostaria da sua sala de aula?
Você gostaria da sua aula?
Suas aulas têm provocado mudanças de atitude e comportamento nos alunos?
Pense a respeito dessas questões e anote as respostas numa folha de papel.
Em seguida, leia o pequeno trecho abaixo, medite em suas respostas para as perguntas acima e busque soluções para melhorarem seu fazer pedagógico.
É importante observar e compreender a criança, a fim de lhe propiciar oportunidades de conhecer a si própria e a realidade mediante experiências ricas e significativas.

Além disso, é fundamental também que o professor estabeleça um diálogo entre sua prática e o significado do universo infantil. É preciso que ele compreenda a criança não somente sob sua perspectiva, mas do próprio ponto de vista da criança.

Jamais esqueça o planejamento de suas atividades, pois isso gera improvisação, falta de objetividade e organização, e desinteresse das crianças. Contudo, seja flexível, não desperdice os imprevistos ocorridos na aula proporcionados pelos alunos.

Por fim, após o encerramento de cada aula, reserve um momento para refletir sozinho e outro momento para trocar experiência e discutir com outros professores assuntos relacionados à sua experiência, a fim de aperfeiçoar seu ministério.
Deus o abençoe!
       fonte: www.cpad.com.br 
http://sandramac2007.multiply.com

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

O lúdico na aprendizagem da Escola Dominical.


"Alguns voluntários nascem professores. Outros descobrem o dom através de um 'acidente' dirigido por Deus. Os colegas de faculdade de Dale convenceram-na a substituir uma professora na classe de crianças, em sua escola dominical. 'Hei, são apenas crianças, é só uma hora. Que dificuldade há nisto? Está bem!' Ela deu uma olhada em todas aquelas crianças, que não estavam olhando para ela, e correu para Beth, a superintendente da escola dominical. 'Socorro!'
Beth deu a aula, e dale passou o resto da manhã observando. A classe estudou interativamente as pragas, cada criança fechando-se no armário para experimentar como era a praga da escuridão. Quando a ula terminou, Beth achou que Dale escaparia para sempre, mas em vez disto, ela anunciou:'quero ensinar - realmente ensinar'.
Por quê?, sondou Beth.
Porque a Escola Dominical não é apenas sentar e ouvir, como eu pensei que fosse. É divertido, e esta manhã descobri que Deus quer que eu faça parte desta diversão" (Marlene LeFever, Flores Vindas de Deus).
Você foi chamado para fazer parte desta diversão! Busque a Deus para que seus alunos aprendam de modo lúdico, a amar a Deus, ao próximo e a Jesus, o Salvador.


Fonte: Revista do Mestre-Maternal 3/4. p.79.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Deus é tudo o que precisamos.


Alguma vez você sentiu que não tinha nada?
Então, olhe as dádivas que Deus lhe deu. Ele enviou os anjos para cuidar de você, seu Espírito Santo para residir dentro de você, sua igreja para encorajá-lo e a sua Palavra para lhe guiar. Tudo que você disser, Ele ouve; faça um pedido e Ele atenderá. Nunca deixará que você fique demasiadamente tentado, que tropece e seja arremessado para longe. Sempre que aparecer uma lágrima no seu rosto, Ele estará lá para enxugar. Se um soneto de amor nascer em seus lábios, Ele estará lá para ouvir. Se imaginar o quanto você deseja vê-lo, saiba que o desejo que ele tem de lhe ver é maior ainda. Jesus nos enche de esperança! " Ora, o Deus de esperança vos encha de todo gozo e paz em crença, para que abundeis em esperança pela virtude do Espírito Santo." Rm 15:13. 
(Max Lucado)

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Vamos fazer a diferença?


Conta-se que um escritor passeava todas as manhãs na areia da praia, a fim de se inspirar para a escrever á tarde. Em uma dessas manhãs, observou que havia um vulto na praia e aproximou-se para ver quem era. Um jovem estava devolvendo as estrelas-do-mar ao oceano. Achou tão intrigante aquela situação que indagou-o por que fazia aquilo. O jovem respondeu que, em virtude da maré baixa, as estrelas morreriam secas ao sol. O escritor perguntou que diferença fazia se outras milhares estariam morrendo em tantas outras praias do mundo. O jovem apanhou uma estrela no chão, jogou-a no mar e disse: - Para essa, eu fiz diferença. Naquela tarde, o escritor não conseguiu dormir nem escrever, foi dormir com quelas palavras queimando em seu coração. Então, pela manhã, o escritor acordou, dirigiu-se a praia e ajudou o jovem a jogar as estrelas-do-mar no oceano. Deus espera que cuidemos de sua criação. Faça a diferença para seus alunos, amigos, família, suas atitudes podem ser diferentes da sociedade corrompida que vivemos hoje, pode parecer que você está andando na contramão do mundo, quando obedece a Deus e cumpre a sua vontade, mas seja fiel a Deus. Você fazendo sua parte? 

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Os Dez Mandamentos dos Pais



 
1º Receber os filhos com alegria
Sl 127:3  “Eis que os filhos são herança do SENHOR, e o fruto do ventre o seu galardão
Os filhos devem ser recebidos e concebidos como bênçãos, não como um peso ou problema.
Eles realmente não pediram para nascer e não têm culpa pelos problemas dos pais.

2º Prover suas necessidades
Lc 11:11 E qual o pai de entre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, também, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente?
É dever dos pais satisfazer as necessidades físicas, emocionais/psicológicas e espirituais de seus filhos.

3º Não provocar ira aos filhos
Ef 6:4 - E vós, pais, não provoqueis à ira a vossos filhos, mas criai-os na doutrina e admoestação do Senhor
Irritamos nossos filhos quando: Não respeitamos o que lhe é de direito, gritamos, chamamos atenção na frente dos outros, proibimos sem razão, espancamos, usamos de injustiça.

4º Ensinar as coisas certas
Pv 22:6 Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
Honestidade, verdade, bondade, justiça, respeito, o bem e o mal, etc.

5º Conversar com eles
Pv 1:8 Filho meu, ouve a instrução de teu pai, e não deixes o ensinamento de tua mãe.
Seu filho só pode ouvi-lo se você falar com ele. Só vai aprender se você ensinar. Só vai entender ser você explicar.

6º Ensinar a Palavra de Deus
Dt 6:4-7 - Ouve, Israel, o SENHOR nosso Deus é o único SENHOR. Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças. E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te.

É preciso que os pais saibam discernir a hora certa de aplicar a Palavra de Deus, aproveitar os momentos do dia, as oportunidades dos acontecimentos e viver a Palavra.

7º Exercer autoridade
1 Ts 2:11-12 11 Assim como bem sabeis de que modo vos exortávamos e consolávamos, a cada um de vós, como o pai a seus filhos; Para que vos conduzísseis dignamente para com Deus, que vos chama para o seu reino e glória.
Deve haver uma hierarquia na família. Pai é pai, mãe é mãe e filho é filho. Uma mãe pode ser amiga de seus filhos, mas um filho não pode ser amigo de sua mãe (Ex: Os pais não devem contar detalhes de suas intimidades com seus filhos).
A palavra dos pais precisa ser ouvida, respeitada e obedecida.

8º Colocar limites
Pv 29:17 Castiga o teu filho, e te dará descanso; e dará delícias à tua alma.
Sim, sim. Não, não.
Disciplinar exige autocontrole, justiça, amor e objetivo.

9º Dirigir palavras de apreciação
Mt 3:17 E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.
Exigência e críticas o tempo todo desanima e afeta a auto-estima das crianças;
É preciso dirigir-lhes mais palavras de apreciação do que reprovação.

10º Deixá-las ir
Lc 15:11-13 E disse: Um certo homem tinha dois filhos; E o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dos bens que me pertence. E ele repartiu por eles a fazenda. E, poucos dias depois, o filho mais novo, ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou os seus bens, vivendo dissolutamente.
Chega um momento na vida dos pais que tudo o que podem fazer pelo filho é orar por eles e acreditar naquilo que lhe ensinaram. Os filhos são herança que Deus confia a nós. Nosso papel é criá-los e deixá-los ir.

Pr. Lincoln Máximo

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Mensagem ao professor:


Você já experimentou aplicar o Salmo 23 à sua missão de professor? O que tem faltado para que as suas aulas sejam o que deveriam? Recursos materiais? Apoio? Em seu pastor, nada lhe faltará. Tempo? Descanso? Tranquilidade? Ele o faz repousar em pastos verdes, junto ás águas serenas. Ânimo? Ele refrigera-lhe a alma. Saúde? Ele está com você até no vale onde a morte projeta a sua sombra. Unção? Ele derrama sobre a sua cabeça o óleo do Seu Espírito Santo.
O nosso Bom Pastor é o mais interessado na salvação e edificação dos pequeninos. Este rebanho é Dele, lembra? Você é apenas o ajudante. E Nele, você encontrará tudo o que precisa. Nele, a mesa está sempre posta, e sobre ela, há um cálice que transborda.
A bondade e o fiel amor de seu Pastor acompanham você a toda parte, fazendo com que tudo contribua para o seu bem e para o cumprimento da vontade Dele. Quanto ao mais... bem, um dia você habitará na sua casa celestial por dias tão longos que não terão fim.

Fonte: Revista do mestre  Maternal1/2, editora CPAD. p.80.


 

Postagens populares

Arquivos do blog

Total de visualizações de página

Recursos Visuais em EVA

Recursos Visuais em EVA
Clique na imagem acima e escolha o material qure vc deseja
Related Posts with Thumbnails

Pequeninos de Jesus Copyright © 2009 Flower Garden is Designed by Ipietoon for Blogger Template Gallery Flower Image by Dapino